O ELO MATERNO

O Elo Materno é a Ligação mais profunda e amorosa entre todos os elos existentes. Por isso a dor e a saudade da ausência do(a) Filho(a) que partiu doe e machuca o coração de uma mãe. Este Elo foi quebrado e como emenda-lo?
Quando nossos Filhos se vão, como continuar viver a vida? Quanto tempo precisamos para nos fortalecer? Dor e saudade será que poderemos supera-las? Existem outras pessoas que dependem de nós? O que mudou em nós? São perguntas que precisam de respostas, e só o tempo nos dará...

PESQUISAR NESTE BLOG

sexta-feira, 20 de março de 2015

RESISTÊNCIA

20 DE MARÇO DE 2015 - Aos cinquenta e dois meses da tua partida, percebo o quanto já caminhei, para me aproximar novamente de você, meu Filhote Amado. Eu precisava prosseguir. Deus em seu infinito Amor, Graça e Proeza fez com que eu der-se o meu primeiro passo rumo a vida que Ele outorgou a mim. Eu precisava voltar a viver, por mais difícil que fosse, eu tinha que voltar. Não foi fácil dar o primeiro passo, por achar que não havia mais razão de continuar e que nada mais faria ou teria algum sentido nesta minha vida. 
Ao olhar para a nossa família, seu pai e sua irmã, ambos esperando alguma reação da minha parte, para que juntos pudéssemos continuar a seguir em frente com a sua ausência em nossa família e com a imensa saudade dilacerando os nossos corações.
Quando vi que não era só eu a questão, que havia e permaneciam duas pessoas ao meu lado, que esperavam por melhoras, esperavam por uma pequena reação, seja ela qual fosse.
Eu não podia desistir de viver Filhote, por ama-los tanto como eu te amo. Dentro de mim, no mais profundo do meu ser, eu sabia que você estava bem e muito seguro na Presença de Deus Pai, e que não era justo que papai e Kekel sofressem mais do que estavam sofrendo pela tua partida. 
Filhote, eu não poderia causar mais dor, não podia deixar a nossa família desfiar-se como se nada representassem para mim e para você. Foi por Amor a você e a eles e principalmente por Deus que eu dei o primeiro passo para vida. Não foi para te esquecer, isto jamais acontecerá em tempo algum, e sim para estarmos novamente juntos no tempo futuro determinado por Deus.
RESISTÊNCIA - O que venha ser a resistência humana? É o ato ou efeito de resistir alguma coisa. Uma força que se opõe a outra, que não cede a outra. Força que defende um organismo do desgaste da doença, cansaço, fome, dor, sentimento e muito mais. Enfim, aquilo que se opõe ao deslocamento de um corpo que se move. 
A pergunta é? O que isto tem a ver com Mães e Pais Enlutados Eternamente e Internamente? pelos seus Filhotes. Eu respondo: Tudo, tudo mesmo. Não irei falar dos atletas ou coisa parecida, mas da resistência que temos dentro de nós como um escape por uma partida prematura de um(a) Filho(a) Amado(a). 
Sm, é isto mesmo. Trata-se de uma Resistência desconhecida até o momento que se dar esta partida prematura de um(a) Filho(a) na vida de seus Pais, que contradiz a lei do ciclo de vida, do que é natural ao homem, mas de uma vontade suprema e divina sobre a nossa vontade.
O tempo todo esta resistência estar em nós, porém sem utilização. Não podemos e não temos como usar-la até que seja despertada através do Amor. Somente o Amor é capaz de despertar a resistência contida em nós. 
Vou tentar explicar melhor - A resistência é um objeto, porque possui um objetivo, ou seja, é uma peça que recebe tensão elétrica aplicada em suas extremidades e transfere essa energia para o meio em forma de calor, para atingir a sua finalidade. Seguindo este pensamento, eu entendo que estamos bem sabemos que somos forte, mais até que ponto.?
ANTES DA PARIDA - Estamos felizes e sentimos realizados, apesar de todas as dificuldades que encontramos para a estabilidade da família -  família junta, todos unidos e presentes um na vida do outro. Isto não tem preço, não se pode avaliar tamanha alegria no coração de Mães e Pais. Toda alegria deste coração é retirada quando um de seus Filhos parte de suas vidas prematuramente de forma violenta e brutal e inesperada.
APÓS A PARTIDAFicamos PARALISADOS, a tristeza é tão intensa e profunda que pode nos aniquilar por completo. Todos os nossos sentimentos anteriores não produzem efeitos e os sentimentos posteriores da partida são totalmente desconhecidos, as reações e as sensações adversas a todo momento. Eu defino este primeiro ano de luto comparando como um furação devastador, um tsunami arrastando tudo pela frente, um terremoto abalando toda estrutura, eles são como uma erosão psicológica, emocional e espiritual dentro de nós. Sim, sem dúvidas esses fenômenos da natureza representam muito bem o que acontece na vida de Mães e Pais enlutados. 
Ficamos completamente a deriva da vida, parece que não há nenhum sentido em continuar, tudo que projetamos para os nossos Filhotes, desapareceram num piscar de olho, num estalar de dedos, e cá ficamos doloridos, feridos, infelizes e com os nossos questionamentos com Deus?
Contudo o sentimento puro e nobre que temos chamado Amor, este permanece antes e depois quase que imperceptível. O Amor contido em nós, faz a conexão com Deus. É por onde Deus começa o seu agir, enviando tudo que precisamos a medida que vamos nos permitindo até que chegamos numa estabilidade psicológica, emocional e espiritual onde não há aceitação do que mudou nossas vidas para sempre, mas há uma resignação. E aos poucos voltamos viver, uma vida num novo patamar totalmente dependentes de Deus: "Posso todas as coisas em Cristo que me fortalece" - Filipenses 4:13. É esta força que Deus nos concede que eu chamo de resistência, é o que precisamos para continuar. Por Amor continuamos e e nos tornamos resistentes aos momentos de dores, de tristeza, de choro, de saudades, enfim resistimos tudo aquilo que já podíamos imaginar que aconteceria conosco.
REFLEXÃO MÁRCIA SANTOS - Demorei muito para entender, que embora em planos diferentes, eu e meu Filhote continuamos a seguir em frente. O que foi determinado por Deus continua se cumprindo. Meu Filhote, vive completamente a sua vida espiritual na Presença de Deus. Eu vivo a minha vida de forma exteriorizada nesta matéria chamada corpo, mas o meu espirito anseia estar na Presença de Deus, não importa o quanto Deus me abençoe nesta vida nenhuma delas terá prazer maior do que o de estar na Presença de Deus e ao lado das pessoas que eu amo e por elas sou amada. Não importa o quanto eu exista através dela, porque sei sei que passarei deste plano para o plano da eternidade onde nada mais poderá ser extinto.
21 DE MARÇO DE 2015 - O Blog Mães e Filhos Elo Eterno completa quatro anos. Ao publicar as minhas postagens eu desconhecia e ainda desconheço o proposito. O que eu sei, é que foi através delas que eu pude enxergar o grande número de Mães e Pais Enlutados que vivem neste mundo. Entendi que Filhos partem da vidas de seus pais famosos ou anônimos a qualquer momento, não existi sexo, cor, religião, status, idade, somente o mento da triste partida que desconhecido a todos nós. Somente Deus em sua grandeza e na magnitude do teu poder de conhecimento saber quando chegou a hora de partir. Quem foi o primeiro e quem será o ultimo? Só Deus é quem sabe. Quem será o próximo? Poderá ser qualquer um. Pais de Filhos Presentes poderá ser Pais de Filhos Ausentes. Realidade dura, mas verdadeira. Minha história e igual a qualquer história de Mães e Pais Enlutados, eu apenas a escrevi.
Eu quero agradecer de todo o meu coração a todos que tem acompanhado cada postagem deste o dia 21 de Março de 2011, até a presente data com mais 93.000 acesso deste então, demostrando apoio, respeito, carinho, solidariedade ao Blog Mães e Filhos Elo Eterno o qual exteriorizo a minha a minha vida após a partida do meu Filhote. Minha história é igual a qualquer história de Mães e Pais Enlutados.
Agradeço as Mães e Pais Enlutados que compartilham comigo sobre a dor, a saudade e a tristeza da partida prematura dos seus Filhotes Amados através de e-mails e telefonemas.
Agradecer a Deus pela inspiração concedida, pela qual nada do que foi escrito e publicado teria sido feito
Agradecimentos do Blog Mães e Filhos Elo Eterno aos Leitores e Seguidores do Brasil, Rússia, Estados Unidos, Portugal, Espanha, Itália, Alemanha, Austrália, Bolívia, Dinamarca, Bélgica, Reino Unido, Luxemburgo, Moçambique, Peru, Coreia do Sul, Hungria, Filipinas, Cingapura, Bulgária, Japão, Paraguai, México, Canadá, China, Argentina, Romênia, Uruguai, Marrocos, Colômbia, Venezuela, Geórgia, Tailândia, França, Suíça, Irlanda, Chile, Grécia, Croácia, Eslovênia, Índia, Ucrânia, Letônia, Angola, Tunísia, Guiana, Túrquia Francesa, Indonésia, Cabo Verde, Bélgica, Polônia, Israel, Holanda, Arábia Saudita, Malásia, Emirados Árabes Unidos, República Dominicana, Turquia, Grécia, Sérvia, Nicarágua, Bahrain, Andorra, Guatemala, Panamá, África do Sul, República Tcheca, Sérvia, Panamá, Belarus, Costa Rica, Macau, Egito, Taiwan, Bielorrússia, Nova Zelândia, Ilhas Faroe, Nigéria, Quênia, Jordânia, Israel, Bangladesh, Líbano e Argélia.
"O Senhor te abençoe e te guarde; faça resplandecer o seu rosto sobre ti e te conceda graça; o Senhor volte para ti o seu rosto e te dê paz hoje e sempre"- Números  6:24 ao 26
ABRAÇOS FRATERNOS AOS SEGUIDORES E LEITORES EM ESPECIAL AOS PAIS ENLUTADOS DE MÁRCIA SANTOS E FAMÍLIA.

MÃES E FILHOS ELO ETERNO

Loading...

CONTATOS FEITOS POR:

Telefones: (011) 5928-7080 ou (011) 98939-3955
Email: marushasantos@uol.com.br