O ELO MATERNO

O Elo Materno é a Ligação mais profunda e amorosa entre todos os elos existentes. Por isso a dor e a saudade da ausência do(a) Filho(a) que partiu doe e machuca o coração de uma mãe. Este Elo foi quebrado e como emenda-lo?
Quando nossos Filhos se vão, como continuar viver a vida? Quanto tempo precisamos para nos fortalecer? Dor e saudade será que poderemos supera-las? Existem outras pessoas que dependem de nós? O que mudou em nós? São perguntas que precisam de respostas, e só o tempo nos dará...

PESQUISAR NESTE BLOG

segunda-feira, 25 de junho de 2012

O SOAR DE UMA ESPERANÇA

Aos dezenove meses da partida do meu Filhote, as vidas das pessoas que de uma forma ou de outra tiveram ou tem um ligação deste o dia 20 de Novembro por menor que seja, seguem seu curso natural ou normal de qualquer ser vivo da terra, mas a minha vida entre os dias saudosos e muitos saudosos ainda não, mesmo com os eventos que acontecem e irão acontecer entre os familiares e amigos sempre tendo alguma coisa para se comemorar e se alegrar.

No decorrer destes dezenove meses observei que alguns familiares que estavam tão próximos ficaram tão distantes ainda que eu colocasse uma lupa para enxerga-los... é provável que mesmo assim não conseguirei vê-los, no entanto, outros que estavam tão distantes se tornaram tão próximos, realmente Deus no seu Agir Divino não nos desampara, levantando pessoas que compartilham conosco os nossos momentos dolorosos enquanto outros tripudiavam, porque suas vidas nada mudaram e nem foram afetados, não tendo motivos para chorar...
Passar por este tal processo de perda é cruel, prefiro falar processo de partida de um Filho Amado quando menos esperamos e quando acreditamos que tudo está tão bom e tão perfeito em nossas vidas, de repente o inesperado, não deixa de ser cruel, não é bom e nunca será pra ninguém por mais que seja evoluído o ser humano, viver então é um desafio constante, pois cada dia é viver procurando um motivo para continuar ou terminar com que resta.
É tão entranho, mais quando sentirmos aflição ou uma espécie de abandono, não podemos deixar que a depressão tome conta dos nossos sentimentos e das nossas emoções que afloram com tanta violência em nosso ser, que a amargura tome conta da nossa alma, que a revolta endureça o nosso coração e que a dor abata o nosso espírito. 
E por mais que seja difícil precisamos lembrar que bem perto de nós está o Deus das consolações, que através do Senhor Jesus que nós amou tanto, a ponto de morrer por nós, O qual nós olha com ternura e paterna expressão de amor em todo tempo atuando em nossas vidas, mesmo sabendo que estamos tão desolados e chocados com a situação, enviando a nós o Espírito Santo, o verdadeiro consolador de nossas vidas. 
E se alguns seres viventes se aproximam de nós, é porque são os escolhidos de Deus para nos assistirem e fazerem a diferença em nossos momentos de dores e desespero que por menor que seja fazem a diferença onde muitos não fazem nada a não ser tripudiar e viver acreditando que nada de mal acontecerá a eles... já pensamos assim, nada poderia acontecer conosco, de repente um dia normal de nossas vidas aconteceu o inesperado e o inacreditável o que  mudou o resto de nossas vidas.

O BEM E O MAL - Sempre ouvimos falar sobre o Bem e o Mal, eles estão misturados neste mundo e se manifestam sob diversos aspectos. A tragédia e a comédia, a infelicidade e a felicidade, a guerra e a paz,  a morte e a vida são sempre motivadas pelo Bem ou Mal. Mas porque existem homens bons e homens maus? Deve haver alguma causa fundamental que os origina e esta causa que precisa ser conhecida. 
Meus Deus! como somos seres pequenos e pobres mortais, não somos donos de nada, e o pior  nem dos nossos pensamentos que são tão banais quando cedemos os pensamentos malignos do príncipe deste mundo, onde podemos ver que os dias são maus e cheios de maldade humana Efésios 5.16, pois o ser humano ou melhor a Raça Humana perdeu seu referencial como criatura de Deus, esquecemos que somos de Deus e quais são as nossas obras 1ª João 5.19, que o mundo inteiro jaz no maligno e sendo ele o príncipe deste mundo é também o acusador dos nossos irmãos, motivo pelo qual as pessoas não se entendem, pois o coração não tem espaço para o Amor João 12.31.
Mesmo assim, ainda é cedo para declarar o fim da humanidade. Apesar de muito desamor à vida, a esperança ainda existe e as pessoas ainda sonham. Toda batalha em que o bem está contra o mau, o bem sofre até o último instante, mas ele é o campeão...  
Ainda é cedo, eu sei que meu Filhote está seguro, sei com Quem Ele estar e onde estar, não temo mas por ele, e sim pela minha Filhota.
Todos tropeçam e caem, todos se machucam mesmo quando querem somente viver. É o que acontece com todos os que estão vivos. Se, por qualquer razão, você tropeçar e cair, lembre-se: AQUELE que cuida de você é forte para te levantar todas as vezes que caíres... Encorajemos os nossos semelhantes de todas as maneiras possíveis, todas as almas viventes precisam de encorajamento, e no final, nós descobriremos que ajudando os outros, estaremos a ajudando a nós mesmos e juntos teremos dias melhores.

MÃES CORAGEM - Idealizado com intuito de fazer do facebook um local onde possamos nos sentir com privacidade para desabafar, ou seja, nos sentir a vontade. Um grupo de mães que interage e fala a mesma linguagem, Independente de religião e credo. Não se trata de exclusão, mas no grupo estaremos interagindo com pessoas que vivenciam os mesmos sentimentos. Não queremos números no grupo, e sim, união! Assim, nos ajudamos mutuamente, nesta nova condição de vida.

Mães de Filhos Ausentes é obrigada a criar coragem todos os dias, enfrentar o dia a dia.
Encontrar coragem para ter coragem de afastar os maus pensamentos é um ato de muita coragem.
Manter a imagem dos nossos Filhotes vivos em nossa volta haja coragem. 
Traze-los de voltar em nossos sonhos precisa  ter coragem
Enfrentar datas marcantes só Deus pra dar coragem.
Seguir apesar do vazio só com muita coragem.
Implorar pela coragem em todo tempo, apesar de tudo que nos falam.
O cansaço busca coragem, mas o amor encontra coragem.
E a fé sustenta a coragem, o coração ouve a coragem.
Ela então sussurra: "Eu estarei sempre com você Meu Filho Amado".
Somos Mães Coragem, porque estamos separadas do físico dos nossos Filhotes Amados, não podemos vê-los, toca-los e ouvi-los mas podemos ama-los eternamente pelo tempo de nossas vidas. Através da dor formamos um Elo de Amor Eterno, cada uma com a sua história, a sua saudade, o seu amor e a sua Fé no Pai Celestial, o Pai de todos nós que concede o Amparo nos Braços do Senhor Jesus onde encontramos o Fortalecimento e no Espírito Santo o Seu Consolo.
Somos Mães Coragem, porque mesmo chorando por dentro, temos a capacidade de sorrir, dando forças uma as outras..., nenhuma de nós gostaria de estar nesse mural da Saudade Eterna, isso  mostra que não estamos sozinhas e nem nossos Amados Filhos, os nossos Anjos Eternos, estão no lar ao lado do Grande e Eterno Pai Celestial, onde realmente é o que todos nós somos, seres espirituais.
Somos Mães Coragem porque continuamos vivendo e temos a esperança de por um pouco de reflexão diante de acontecimentos tão tristes e reais da vida nos dias atuais. 
Somos Mães Coragem porque temos que conviver com a Data de Chegada e a Data de Partida.
Afinal entre os que se amam não há despedidas, sem lágrimas, ou melhor, somente uma curta separação que durante este período as lágrimas falarão por nós, não há distância sem saudade, não há futuro sem esperanças sem a Fé, e por fim, não há o Reencontro sem o Amor.

NOSSOS FILHOS (Nossos Anjos) - Dizem que o mundo é dos mais espertos e que o Céu é para os bons, se para viver neste mundo dos espertos temos que ser maus, então somos Mães Coragem pois os nossos Filhotes foram escolhidos a Dedo de Deus para estarem longe de toda maldade deste mundo, porque eles são Bons demais para o mundo dos espertos, Bons demais para nós, Bons demais em tudo que faziam, Eles são Bons, Bons demais e por isso estão no Céu ao lado de Deus Pai...
Enquanto o Reencontro não vem em nossas vidas, aprendemos viver um dia após outro, porque somos Mães Coragem (Mães de Anjos). Então:
Choramos em Silêncio.
Alimentamos um amor eterno que nem a distância física pode separar.
Ficamos imaginando como estariam nossos Filhotes se estivessem vivos.
Temos o coração vazio mesmo que tenhamos outros Filhos, pois sempre estará faltando um.
Ficamos tristes pelo que não pudemos viver ao lado deles, pois muitos sonhos foram interrompidos.
Temos que aceitar uma verdade que não nos conformamos.
Vivemos constantemente com um porque? Sem resposta, e isto, é a maior frustração que uma mulher pode ter na sua vida. 
Temos um olhar triste e sentimos sozinhas mesmo estando rodeada de pessoas que nos ame. 
Temos esperança do Reencontro e vivemos sonhando com ele o tempo todo: "Quando verei novamente? Quando será?".
Sabemos que nossos Filhotes estão bem, mas o que queríamos de verdade era ter-los conosco.
Temos uma cicatriz profunda na alma que não fecha nunca e que Dói muito.
Entender tudo isso..., só quem for Mãe de Anjo ou Pai de Anjo.
Somos Mães Coragem,  porque o nosso amor supera qualquer dor, vence as vicissitudes, fomenta as virtudes, e enlaça a esperança com a fé pela qual tudo alcança!
E como Mães Coragem sabemos que: "O tempo é muito lento para os que esperam. Muito rápido para os que tem medo. Muito longo para os que lamentam. Muito curto para os que festejam. Mas, para os que amam, o tempo é eterno."
Como Mães Coragem descobrimos que a Vinda através da vida é um tempo determinado aqui na terra com outros seres humanos e que a Partida através da morte é para sempre...                              

Somos Mães Coragem porque temos que vencer todos os dias a saudade imensa, intensa, profunda a qual não tem dimensão ou extensão em nossos corações que nos massacra maternalmente e o nossos olhos constantemente almejam ver os nossos Filhotes.
Somo Mães Coragem, porque vivemos uma realidade dolorosa e cruel pela partida dos nossos Filhos, mas em Deus encontramos a Força Divina que precisamos para prosseguir juntos com os que ficaram ao nosso redor.
E como Mães Coragem nunca colocaremos os nossos Filhos no passado de nossas vidas e nem tão pouco diremos adeus em nenhum momento de nossa existência, mesmo sabendo que:
Há tempos atrás eles estavam em todos os lugares...
Sentados na poltrona da sala, na varanda, percorriam os quatro cantos da casa, conversavam, sorriam, zangavam-se...
Podíamos encontrá-los num piscar de olhos, hoje o nosso olhar já não os alcança...
Somente o coração os sente vivos, todos muito vivos dentro de nós.
Não estão encerrados entre pedras, estão no aroma das flores, que nos abraça a alma, e nos envolve na paz.
Hoje eles voam livres, e são como a luz das estrelas.
E dizem baixinho enquanto dormimos...: "Um dia Mãe, voltaremos a nos encontrar".
"Apesar do pouco tempo que permaneceram entre nós, seus exemplos de amor, amizade e carinho felicidade 
jamais se apagarão em nossos corações. A tristeza de suas ausências não é maior do que a de ter vivido com eles. Desejamos que o Senhor Deus e Pai Celestial lhes dê em felicidade no céu, o que eles nos deram de bondade na terra".
Afinal...
...enquanto houver encontros, haverá despedidas;
...enquanto houver despedidas, haverá um coração que chora;
...enquanto houver um coração que chora, será difícil dizer adeus..




Como Mães Coragem compartilharmos a nossa Oração com as demais Mães.

Grandioso Deus e Eterno Pai Celestial.
Senhor de tudo o que tenho aqui na terra como no Céu
Conduza meus dias Senhor na Tua Presença e nas veredas do Teu Amor
Dias que sobreviverei sem a presença física do meu Filhote (a) Amado(a).
Peço por misericórdia que os meus pensamentos como os meus sentimentos da saudade, vazio e dor sejam controlados por Ti.
Conduza Senhor a minha vida, os meu dias dando-me Força e Resignação.
Apaziguando a tristeza em meu peito e Confortando o meu coração com a certeza de que verei meu Filhote(a) novamente e juntos estaremos diante de Tua Face em Tua Glória. Amém
 

MÃES CORAGEM E SEUS FILHOS - "Há aquelas que lutam um dia; e por isso são muito boas; Há aquelas que lutam muitos dias; e por isso são muito boas; Há aquelas que lutam anos; e são melhores ainda; Porém há aquelas que lutam toda a vida; essas são as imprescindíveis."  BERTOLT BRECHT

Dedico esta postagem as Mães Enlutadas e em Especial a todas Mães Coragem do Facebook e a Memória de Nossos Filhotes Amados, ainda que o mundo os esqueçam, nós em tempo algum de nossas vidas, jamais os esqueceremos.




ABRAÇOS FRATERNOS DE MÁRCIA SANTOS E FAMÍLIA AOS SEGUIDORES E LEITORES E AS MÃES E PAIS CORAGEM

MÃES E FILHOS ELO ETERNO

Loading...

CONTATOS FEITOS POR:

Telefones: (011) 5928-7080 ou (011) 98939-3955
Email: marushasantos@uol.com.br