O ELO MATERNO

O Elo Materno é a Ligação mais profunda e amorosa entre todos os elos existentes. Por isso a dor e a saudade da ausência do(a) Filho(a) que partiu doe e machuca o coração de uma mãe. Este Elo foi quebrado e como emenda-lo?
Quando nossos Filhos se vão, como continuar viver a vida? Quanto tempo precisamos para nos fortalecer? Dor e saudade será que poderemos supera-las? Existem outras pessoas que dependem de nós? O que mudou em nós? São perguntas que precisam de respostas, e só o tempo nos dará...

PESQUISAR NESTE BLOG

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

SENTIDOS

Deste que meu Filhote partiu inesperadamente e repentinamente de minha família, nos deixando sem nenhuma explicação para o ocorrido, o que vivemos a partir daquele momento – emocionalmente, psicologicamente, espiritualmente e fisicamente - é tão inexplicável o processo de reabilitação em pleno luto. Aos 34 meses de vivência, sei que qualquer pessoa que vive um luto por um ente querido, sabe que é um conjunto de reações de uma perda, a qual é significativa, e se tratando de Filhos, meu Deus! Quanta dor há dentro de nós, como somos abalados e como ficamos tão fragilizados. Acredito ser uns do fatores cruciante por causa do impacto da falta física. Sim, porque existem coisas que ainda queremos, desejamos mais do que tudo nesta vida; ver, tocar, ouvir, sentir a pessoa que amamos, mas que não podemos no presente momento que vivemos.
EMOCIONAL – E o sentimento que altera o comportamento normal de um ser. Por isso é que ficamos tão mudados e diferentes.
PSICOLÓGICO – São manifestações físicas, que podem nos levar a depressão e ansiedade, motivo pelo qual muitos entram em depressão, mantendo o estado de tristeza profunda e se encasula em si mesmo.
ESPIRITUAL – É toda e qualquer natureza do espírito, relacionando a um credo religioso, que levam a devoção, as práticas espirituais, para alcançar uma vida espiritual mais plena. Num determinado credo religioso, procuramos aliviar a dor, mantendo o contato com Deus, que é o criador de todos os seres. 
FÍSICAÉ a capacidade de visualizar objetos e pessoas. Composto pelos cincos sentidos; Visão, Audição, Paladar, Tato e Olfato os cincos sentidos humanos. Determinados órgãos do corpo humano, são eles que enviam ao cérebro as sensações que sentimos, utilizando uma rede neurônios que fazem parte do nosso sistema nervoso.
É ai, neste ponto, que toda nossa estrutura cai a baixo, e temos que recomeçar mesmo feridos e doloridos uma cruel realidade, mas é necessário que se faça uma reestruturação com um patamar bem diferente do anterior, e isto é muito esmagador e inaceitável em nosso intimo de maternidade e paternidade. É muitas vezes é preciso recorrer ajuda especifica. Conseguimos através de apoio ou tratamentos encontrar alivio na dor.  É por isso, que eu acredito que o mais impactante sobre nós, é a física, parece estranho, mas é isso mesmo, o corpo humano é adotado de cinco sentidos, ou seja, é a capacidade que nos possibilita a interagir como o mundo interior - inclusive e principalmente com os nossos Filhos – pessoas, objetos luzes, fenômenos climáticos, cheiros, sabores (...) sofremos por causa da capacidade que tínhamos e que agora nos falta em relação ao que já partiu.
SENTIDOS - Todo o sofrimento físico se ressume na ansiedade, no desejo de querer fazer o que sempre fizemos, e que, agora não podemos. Porém tudo ficou gravado em nosso cérebro. Qualquer Mãe ou Pai Enlutado independentemente dos anos que se passam e façam em suas vidas tem a capacidade de lembrar do(a) Filho(a) como ele(a) era - o que já foi sentido e memorizado pelo cérebro através dos cinco sentidos. E mesmo na ausência dos nossos Filhotes, em nosso presente podemos dar continuação para o que não é mais possível sentir no presente, porém de uma forma diferente. Tudo agora é lembrado pela nossa memória, que no auge da falta que sentimos é acionada.
Visão – Não possuímos mais a capacidade de ver o(a) Filho(a) que partiu, nossos olhos não podem captar a imagem que deveria ser enviada ao cérebro, para o reconhecimento ou a visualização.
Audição - Não possuímos mais a capacidade de ouvir (a voz, os ruídos, os barulhos e as músicas) provenientes do mundo exterior provocados pelos nossos Filhotes, nossos ouvidos não podem captar as ondas sonoras que deveriam ser enviadas ao cérebro, para o reconhecimento ou a
Paladar - Não possuímos mais a capacidade de sentir o gosto (sabor) da bala do bombom, do doce e tantas outras coisas que carinhosamente eram ofertadas pelos nossos Filhotes. Na superfície de nossas línguas existem milhares de papilas gustativas, e que, a agora não podem captar o sabor das guloseimas, que deveriam ser enviadas ao cérebro, para o reconhecimento.
Tato - Não possuímos mais a capacidade do contato de sentir pelo toque através da pele (a mão, o rosto, o cabelo,  o pé e tudo mais dos nossos Filhotes que eram habituais e recíprocos entre nós, a nossa pele possuem neurônios sensoriais, e agora não temos mais o toque que deveriam ser enviadas ao cérebro, para uma reação de acordo a necessidade ou vontade existente em nós o reconhecimento.
Olfato - Não possuímos mais a capacidade de sentir os cheiros (odores) dos nossos Filhotes, seja por um determinado perfume, colônia, xampú, sabonete ou simplesmente o próprio cheiro do corpo que cada um eles possuíam, nosso nariz não podem captar os cheiros que deveriam ser enviados para o cérebro efetuar identificação.
Tudo que sentimos com nossos Filhotes através dos nossos cinco sentidos foi permitido o armazenar em nosso cérebro. Não permitido o esquecimento jamais, em tempo algum de nossas vidas, por isso que dói, e como dói, dói muito sem dar trégua. E, graças ao que chamamos de lembranças, imagens que jamais voltarão a acontecer, podemos lembrar com ternura, carinho e muito amor, batendo aquela saudade dentro de nós, às vezes choramos, algumas vezes expressamos um sorriso e outras vezes o aperto no coração. Tudo isto, por causa do corpo físico.
Parece que os sentidos ao tocante aos nossos Filhotes ficam mais apurados através do senso da percepção (felt senseo meio pelo qual experimentamos a totalidade da sensação Direcionando a nossa atenção para o nosso corpo e reconhecemos as sensações corporais do momento em que desejamos focalizar. É desta forma que os nossos Filhotes viverão para sempre em nossos corações. Deus nos dá o dom de eternizar em nós o que vale a pena, e esquecer definitivamente aquilo que não vale.

REFLEXÃO MÁRCIA SANTOSSomente Deus é capaz de trazer  o alivio que precisamos sobre os cinco sentidos. Somente Ele pode atuar na dimensão espiritual de forma sobrenatural sobre o físico. É nos momentos de extrema saudade onde as lágrimas se fazem presente, é preciso correr para os seus Braços. Ele nos assisti em todo tempo, se faz presente. Deus está em toda a parte, mas só podemos encontra-Lo quando buscamos de todo o nosso coração; Buscar-me-eis, e me achareis, quando me buscardes de todo o vosso coração. Serei achado de vós, diz o Senhor…” Jeremias 29.13-14.
É somente através da oração e da adoração – Ouvi-lo falar e ser por Ele protegidos e fortalecidos, precisamos mergulhar nos rios da Graça, precisamos buscar sua face, precisamos treinar o nosso espírito nesses momentos de grande luta, precisamos nos fortalecer n’Ele, amadurecer e evoluir, precisamos nós colocar aos seus pés, seguros do seu Grande Amor, com intimidade de seu coração e render-se a sua Presença.
Não é loucura não, é assim mesmo, para amenizar o que sentimos pelos cinco sentidos, somente o poder de Deus mediante a nossa fé no que é espiritual; Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai das misericórdias e o Deus de toda a consolação; Que nos consola em toda a nossa tribulação, para que também possamos consolar os que estiverem em alguma tribulação, com a consolação com que nós mesmos somos consolados por Deus” - 2ª corintios 1:3-4. 
Porque na verdade somos seres espirituais, mesmo com credos e religiões diferentes, todos somos seres espirituais buscando a mesma coisa DEUS, e com a intenção de chegarmos à algum lugar. E nesta busca o que é certo para mim poderá ser errado para você e vise versa. Mas Deus, não é, e nunca será, o erro de ninguém.
Ninguém passa pela nossa vida por engano. Não existe erros nos planos de Deus, nossos Filhos não foram um erro, eles chegaram em nossas vidas, nos fizeram felizes até que partiram antes de nós. Mas com toda certeza um dia iremos partir e juntos estaremos para sempre. Deus nos concedeu o dom da vida eterna através do nosso espirito .

ABRAÇOS FRATERNOS DE MÁRCIA SANTOS AOS LEITORES, SEGUIDORES E AOS PAIS ENLUTADOS DO BLOG MÃES E FILHOS ELO ETERNO.


MÃES E FILHOS ELO ETERNO

Loading...

CONTATOS FEITOS POR:

Telefones: (011) 5928-7080 ou (011) 98939-3955
Email: marushasantos@uol.com.br