O ELO MATERNO

O Elo Materno é a Ligação mais profunda e amorosa entre todos os elos existentes. Por isso a dor e a saudade da ausência do(a) Filho(a) que partiu doe e machuca o coração de uma mãe. Este Elo foi quebrado e como emenda-lo?
Quando nossos Filhos se vão, como continuar viver a vida? Quanto tempo precisamos para nos fortalecer? Dor e saudade será que poderemos supera-las? Existem outras pessoas que dependem de nós? O que mudou em nós? São perguntas que precisam de respostas, e só o tempo nos dará...

PESQUISAR NESTE BLOG

terça-feira, 20 de agosto de 2013

CORAJOSOS

Eu sempre ouvir dizer que para ser Mãe ou Pai é preciso ter muita coragem. Eu só não sabia a profundidade desta expressão. Mas hoje, eu já tenho uma ideia do que significa. Sim, CORAGEM! Quando nós tornarmos Pais nunca sabemos o que poderá acontecer com os nossos Filhos, nenhuma Mãe e nenhum Pai tem o poder da premonição na vida dos seus Filhos. É claro, que sempre queremos e desejamos o melhor para eles, mas às vezes o melhor vem de uma forma que não esperamos, por acreditarmos que tudo deve seguir uma ordem. Na existência de uma vida existem vários fatores que podem ocorrer á qualquer momento e que mudam esta ordem. 
Aos 33 meses da partida do meu Filhote, eu compreendo que realmente é necessário ter coragem. Todos os dias precisamos ter coragem, todos os dias precisamos ser corajosos para enfrentarmos o que é desconhecido e o que não esperamos - Coragem para ver o Filho chegar e com ele tudo que é predestinado acontecer em nossas vidas - Coragem para ver o Filho partir para nunca mais voltar, e continuar vivendo sem ele, e tudo que é predestinado acontecer em nossas vidas. Coragem sempre Coragem.
Deus nos estimula a ser corajosos em todo tempo: ”Não fui eu que ordenei a você? Seja forte e corajoso! Não se apavore nem desanime, pois o Senhor, o seu Deus, estará com você por onde você andar" - Josué 1:9. Por onde andarmos. Isto significa que Deus se faz presente em todos os momentos seja ruins ou bons que vivemos, resta saber se estamos com Deus.
CORAGEM - É habilidade de enfrentar ou de confrontar o temível; o medo, a dor, o perigo, a incerteza ou intimidação, intrepidez, audácia, fé; autoconfiança. Uma pessoa corajosa é uma pessoa que, mesmo com amor, faz o que tem a fazer sem vacilar.
Quando eu assisti o filme da Sherwood Picture "Courageous" do Diretor Alex Kendrick, traduzido que dizer - Corajosos - fiquei tão impressionada ao mesmo tempo extasiada com o conteúdo do ensinamento bíblico, a ordenança criada para os pais jamais ouvida e interpretada pelos melhores pregadores do nosso século e da mídia, mostrando a escolha de valores - morais e espirituais, terrenos e celestiais - os sentimentos em evidências, as emoções que afloraram diante de uma tragédia, a visão que se muda, quais são os pilares de uma nova restruturação dentro da família e acima de tudo isto, Deus sempre está trabalhando em nós e muitas vezes nem percebemos porque estamos tão focado em algo maior (dor) que o seu mover em nossas vidas; seja trabalho, a perda de bens materiais, conflitos familiares e a partida de um ente - Filho(a) querido(a) tão inesperadamente onde somos pegos de surpresa, porque a sequencia de um ciclo de vida foi inverso.
A tragédia pode acontecer na vida de qualquer pessoa, em qualquer família a qualquer momento. Não tenhas duvidas quanto a isto. Resta saber como iremos nos comportar quando chegar o momento de enfrenta-la, quando ela se fazer presente - O que muda? Quanto tempo durará? Quanto tempo poderemos suportar? Quando iremos recomeçar ou reestruturar nossas vidas no novo patamar? Em que iremos confiar ou acreditar? Qual será o pilar da nossa fé? Como continuaremos? Quantos estarão ao nosso lado? Quantos nos apoiaram em nossas decisões? Quantos serão incomodados com o nosso comportamento? - São tantos fatores que é impossível numera-los, mas que existem e são vividos fora de uma regra ou sequencia na vida humana, dentro de uma família que  passa pelo processo de (partida e luto) nunca mais voltaremos a ser os mesmos de antes. Não é porque não queremos ou não conseguimos. Toda dor sentida vai nos moldando e concedendo uma nova visão. Sim, nos tornamos diferentes em tudo e até mesmo na indiferença alheia.
A visão do filme dada e declarada diante da Palavra de Deus foi muito emocionante para paternidade, é muito impactante, e mexe com as nossas estruturas femininas, mas especialmente as estruturas masculinas, ficou tão claro o Legado de Honrar e Proteger deixado por Deus o nosso Grandioso e Eterno Pai Celestial aos Pais terrenos. 
E, como muitos de nós sabemos, não é nada fácil, os problemas diários, onde temos de lidar com cada dificuldade dentro dos padrões, éticos, morais e bíblicos ou religiosos, a confiança em Deus depositada é sempre questionada, sua forma de ensinar seus Filhos é reavaliada, viver conforme a vontade divina é o centro. Digo que é muito difícil você não se emocionar com o filme, não chorar mesmo com ele, ele é belo, puro e mostra que até na queda do homem, Deus é honrado, estando o mesmo pronto a levanta-lo mais uma vez.
É para refletir mesmo, Jesus diz em sua Palavra que: “remindo o tempo; porquanto  os dia são maus” – Efésios 5:16. Sendo homem ou mulher, somos desafiado a sermos o melhor pai ou mãe na essência da Palavra Deus, que ama não apenas em palavra, mas em fato, no carinho, no amor, na amizade, na autoridade, na fidelidade a Deus e a nossa família. Não por imposição, não apenas porque Deus em sua Palavra a Bíblia “manda”, mas porque você ama e decidiu que é assim o modo certo de viver, e é assim que você quer que sua vida seja daqui em diante.
Nisto eu me pergunto: O que os Pais estão fazendo com os seus Filhos? Que atenção estão lhes dando? O que estão ensinando? Qual a marca os Pais estão imprimindo na geração futura? Questões assim fazem com que nos preocupemos com o futuro dos nossos Filhos e se a mensagem de Deus está sendo repassada por nós para àqueles que dependem de nós, o mundo já é uma escola de aprendizado ruim, mas aprender o bem é ensinamento dos Pais, honrar a Deus e praticar o bem começa em casa: "Ensina a criança no caminho em que deve andar, e até quando envelhecer mão se desviará dele" - Provérbios 22:06.
É assim que nós como Pais que somos poderemos fazer para melhorar esses dias maus que virão futuramente sobre nossas vidas honrar a Deus e praticar o bem em qualquer situação. Afinal todos nos queremos os favores de Deus e suas bênçãos em nossas vidas, em nossos lares.
Eu sou uma mulher, uma esposa e uma mãe privilegiada, embora não tinha ciência da resolução da forma como foi revelada no filme, mas dentro do meu lar, da minha família presencio este tipo de comportamento através do meu esposo. Eu conseguir identifica-lo durante o filme, após o termino eu disse à ele: "Você meu amor é um resolucionista de Deus, somente agora após 25 anos de casada eu pude perceber, o quanto você tem nos ensinado honrar e servir a Deus na alegria e na dor,  praticar o bem quando ninguém mais espera, tem nos ensinado os verdadeiros valores que estarão para sempre conosco."
Link da Postagem - "O Pai que Chora em Silêncio"
Link: http://maesefilhoseloeterno.blogspot.com.br/2012/01/o-pai-que-chora-em-silencio.html
SOBRE FILME - Quando o ator Alex Kendrick que interpreta o personagem Adam Mitchell que perdeu sua Filhinha Emily de 9 anos de idade num trágico acidente de carro de uma forma inesperada se pós de pé diante da assembleia para testemunhar a sua vida e citar a "RESOLUÇÃO" aos demais pais que ali estavam presente e que se tornou inspiração para todos - NÃO TEM QUEM NÃO CHORE - e deste então muitos começam a seguir o exemplo -  EU VOU!!!
A RESOLUÇÃO
EU solenemente determino, diante de Deus, tomar completa responsabilidade por mim, minha esposa e meus filhos.
EU os amarei, protegerei, servirei, e os ensinarei a palavra de Deus como o líder espiritual de meu lar.
EU serei fiel a minha esposa, para amar e honrá-la, e estar disposto a dar minha vida por ela como Cristo morreu por mim.
EU vou abençoar meus filhos e os ensinar a amar a Deus de todo coração, toda mente e com toda força.
EU os ensinarei a honrar as autoridades e a viverem responsavelmente.
EU vou confrontar o mal, perseguir a justiça e amar a misericórdia.
EU vou orar pelos outros e os tratar com bondade, respeito e compaixão.
EU vou trabalhar diligentemente para suprir as necessidades de minha família.
EU vou perdoar os que errarem comigo e me reconciliar com aquele com quem errar.
EU vou aprender com meus erros, arrepender-me por meus pecados e andar com integridade como um homem responsável diante de Deus.
EU vou procurar honrar a Deus, ser fiel a sua igreja, obedecer a sua palavra e a sua vontade.
EU vou trabalhar corajosamente com a força que Deus me der para cumprir esta resolução pelo resto de minha vida e para a Sua glória.
Quanto a mim e a minha casa, nós serviremos ao Senhor – Josué 24-15
Para quem já assistiu o filme, viu uma das partes mais emocionantes. Compartilho com você a resolução que os pais fizeram para declararem diante de Deus e dos homens que irão cumprir para o resto de suas vidas.
 Obs:  Click no rodapé do blog para pausar musica Angel - Cantora Sarah Mclachlan

REFLEXÃO MÁRCIA SANTOS É muito triste, surpreendente e chocante quando nos deparamos com tragédias familiares que levam a mortis cada vez mais constante. Embora estejamos todos sujeitos, digo, fragilizados diante dos dias maus porque ouvimos e vimos coisas horrendas que acontecem num ambiente familiar, cada dia é uma realidade diferente e cruel, coisas que nem ouçamos a pensar ou imaginar. Mas, quando vem à tona ficamos arrasados e podemos perceber "o quanto a humanidade está carente de Deus", e por causa desta carência a maldade é superior nas mentes humanas; O que esta faltando nos lares? Quais são as dificuldades encontradas? 
Uma mulher que eu admiro muito e a tenho como um exemplo a Pastora e Cantora Ludmila Ferber - Em seu livro “Nunca Pare de Lutar”, páginas 150 e 151, ela diz: Os tempos são modernos, mas não deixam de ser maus. E desenvolver um caminho espiritual tem um custo. As pessoas não encontram tempo para orar e adorar. O ativismo move as pessoas – crianças, adolescentes, jovens e adultos – seja em uma grande metrópole ou em pequenas cidades do interior, ele agita o ritmo interno que se criou no inconsciente coletivo. É preciso sempre fazer algo: falar ao celular, jogar no computador, mandar um SMS, atualizar o Facebook, tudo isso ouvindo música. Não sou contra a tecnologia, a questão não é a internet, a globalização, os computadores, os tablets, mas a maneira como lidamos com isso, com este novo mundo. Vivemos hoje em momento de letargia com relação às espirituais. Há um adormecimento quanto às profundezas dos sentimentos.
Cada vez mais acredito que precisamos de um Ipod que nos desligue de vozes, sons, barulhos estranhos, distrações sonoras que nos roubam a Voz do Espírito Santo, que confundem pensamentos e alimentam outras fomes. Necessitamos de um Ipod com a Voz de Deus – com as canções do Espírito. Carecemos de um Ipod com tesouros do céu armazenados, que uma vez em nossos ouvidos, criem link com o céu, com o Senhor, com o Eterno (...)
Hoje vejo que as pessoas são capazes de passar quatro horas diante da tela de um computador, mesmo aquelas que têm vida na igreja, mas não conseguem parar e ficar lendo a Bíblia por uma hora. Elas não têm um hora para falar com Deus por meio de uma oração. Muitos são capazes de trabalhar doze horas, mas uma para as coisas do Espírito é considerado tempo demais. Não há tempo no mundo para as coisas de Deus (...) alguns cansados demais por terem trabalhado muito, outros por terem tanta coisa para fazer. No meio disto tudo alguém pode dizer: “Ouço Deus me chamar.” Alguém pode responder : “ Eu vou. Já estou indo ao Teu encontro, Senhor.
Postagem dedicada à todos os Pais de Filhos Ausentes e Presentes.

Que Deus Pai, o Pai de todos os Pais da terra Abênçõe grandiosamente a vida de cada um concedendo-lhes Sabedoria e Coragem para Honrar e Proteger seus Filhos.

ABRAÇOS FRATERNOS DE MÁRCIA SANTOS AOS LEITORES, SEGUIDORES E AOS PAIS ENLUTADOS DO BLOG MÃES E FILHOS ELO ETERNO.

Clique Aqui e veja mais imagens

MÃES E FILHOS ELO ETERNO

Loading...

CONTATOS FEITOS POR:

Telefones: (011) 5928-7080 ou (011) 98939-3955
Email: marushasantos@uol.com.br