O ELO MATERNO

O Elo Materno é a Ligação mais profunda e amorosa entre todos os elos existentes. Por isso a dor e a saudade da ausência do(a) Filho(a) que partiu doe e machuca o coração de uma mãe. Este Elo foi quebrado e como emenda-lo?
Quando nossos Filhos se vão, como continuar viver a vida? Quanto tempo precisamos para nos fortalecer? Dor e saudade será que poderemos supera-las? Existem outras pessoas que dependem de nós? O que mudou em nós? São perguntas que precisam de respostas, e só o tempo nos dará...

PESQUISAR NESTE BLOG

quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

COMEÇA TUDO DE NOVO - MAS SEM VOCÊ

20 DE JANEIRO DE 2016 - Começa um um novo ano em minha vida, muitas coisas aconteceram deste que você partiu, e uma delas e que agora completam sessenta e dois meses sem a tua presença meu Filhote. O tempo passou (...) Meu Deus!  E como passou e com ele muitas coisas não são como antes, outras aconteceram dando sentindo para continuar. Estranho dizer, mas é isto mesmo, aconteceram para que eu pudesse reagir diante do tempo que me resta sobre terra.
Eu não poderia continuar até o fim dos meus dias num estado catatônico, a Kel e o papai precisavam de mim, da mulher, da esposa e da mãe que sempre fui antes de você partir de nossas vidas para nunca mais voltar. 
Não foi fácil e nunca será, para ninguém. A vida nos dá uma sensação de que fomos mutilados. Sim, é isto mesmo.
Explicar o que tenho sentido deste então, é algo que eu venho tentando, e já usei várias formas e maneiras de expressar, porque é algo de alguma forma indescritível, precisa viver e sentir para saber. 
É claro que eu não desejo isto para ninguém, nunca desejei para mim mesma, jamais pensei viver o que tenho vivido tão pouco escolhi, apenas Deus me escolheu e a sua vontade é soberana.
COMEÇA TUDO DE NOVO - MAS SEM VOCÊ - Deste o dia da partida do meu Filhote o tempo não parou, pelo contrário, eu que parei, estagnei num tempo doloroso onde a ausência do meu Filhote falava mais alto que tudo. Os dias passavam, semanas se completavam, meses completavam anos. Começava tudo de novo, mas sem ele, aceitar que nada mais seria com ele, foi muito difícil. Meu coração de mãe não aceitava, embora a razão da consciência informava que seria sempre assim - O começar não teria nenhuma razão de ser. No auge do meu luto nada  iria diminuir a minha dor.
E, como brisa suave foi a certeza que entre todas as coisas que aconteceriam em minha vida, mas sem o meu Filhote estar ao meu lado para vivermos juntos, eu jamais em tempo algum deixaria de Ama-lo.
"Filhote como eu te amo", e foi este Amor que me trouxe de volta a vida, a minha família, aos dias da semana, dos meses e dos anos que se seguem.
É neste começar tudo de novo que me aproximo de você, os meus dias são reduzidos, me esforço para fazer o melhor a nossa família, querendo ser cada vez melhor, voltar a ser a Mãe que sempre fui antes de você partir, para não mais voltar a este mundo. 
Eu é que tenho que ir até você, e não quero chegar diante de Deus e de você como uma mãe moribunda, a qual o mundo inteiro sentiu dó e pena, a qual nunca se esforçou para sobreviver a ausência do seu Filho amado em sua vida, em vez de Amor em seu coração foi crescendo e enraizando amargura, ódio, desafeto, desanimo, descrença, ira e a inveja de ver outras mães que estão com seus filhos presentes em suas vidas. 
Não eu não sou este tipo de Mãe e não serei. Quando este Grande Dia chegar,  e eu sei que vai chegar, eu não irei me apresentar assim para você meu Filhote. Ao teu lado só houve alegrias. Eu estava sempre sorrindo. 
É assim, que irei permanecer, estarei sorrindo mesmo tendo a plena ciência da demostração da tua ausência física diante dos meus olhos, mas com a nobreza do nosso Amor que se fará presente em meu coração por todos os dias de minha vida. 
É o que você merece, continuar sendo amado. Estarei a sorri. Eu sei que vai valer apena.
Que tipo de Mãe eu seria deixando o meu Filhote pensar, que foi por causa dele que a minha vida acabou, não quero que sinta culpa pela a opção errada escolhida. 
Ao invés disto, quero que meu Filhote sinta orgulho e que fique feliz ao saber que eu cheguei e fui muito mais longe de que as expectativas humanas esperavam, por ter feito a escolha certa.
Começarei quantas vezes for necessário, ainda que em passos lentos e todas as vez que começar, você é razão deste começar. Somente o seu físico é ausente em minha vida. Pois a tua presença é constante em meu coração. O nosso Amor Incondicional de Mãe e Filho é Eterno, nada mudará o que fomos e somos um para outro.
Já mais deixarei meu Filhote pensar, que foi por causa dele que a minha vida acabou, não quero que sinta culpa pela a opção escolhida.
REFLEXÃO MÁRCIA SANTOS - Só foi possível escrever esta postagem, depois de uma longa oração feita a Deus, e tão suavemente a sua voz falou ao meu coração com tanta ternura: "Faça por Amor ao Mateus". E foi isto que mudou, continuo vivendo um luto interno pelo meu Filhote, ao tempo que tudo que faço, faço por Amor ao meu Filhote.
Deus falou ao meu espirito de forma sobrenatural, portanto não é coisa da minha cabeça ou imaginação, pois nunca ninguém falou tal coisa para que eu pudesse ouvir.  Este é o tratar de Deus na vida de Mães e Pais Enlutados pelos seus Filhos. Basta aquebrantar o coração doído e endurecido, que faz com que o Amor seja sufocado por tais sensações que crescem. O Amor nunca acaba, ele apenas adormece.
Desejo que todos os Pais Enlutados pelos seus Filhotes: "Sejam fortalecidos com todo o Poder, segundo a maravilhosa Força da Glória de Deus, para que, com alegria tenhais absoluta constância e firmeza de ânimo para  tão esperando Reencontro - Colossenses 1:11
"O Senhor te abençoe e te guarde; faça resplandecer o seu rosto sobre ti e te conceda graça; o Senhor volte para ti o seu rosto e te dê paz hoje e sempre"- Números  6:24 ao 26


ABRAÇOS FRATERNOS DE MÁRCIA SANTOS E FAMÍLIA AOS SEGUIDORES E LEITORES EM ESPECIAL AOS PAIS ENLUTADOS

MÃES E FILHOS ELO ETERNO

Loading...

CONTATOS FEITOS POR:

Telefones: (011) 5928-7080 ou (011) 98939-3955
Email: marushasantos@uol.com.br